Sucos Detox - Conceito, benefícios e receitas


www.aliadosdasaude.com.br

Sucos detox - combinação ideal para limpar o organismo

Os sucos detox são uma combinação de frutas, legumes, verduras e grãos, cuja função principal é limpar o organismo e expulsar as toxinas.

Servem também para tratar os processos inflamatórios associados a uma alimentação rica em sódio e gorduras.

Conheça aqui o conceito, aprenda a fazer sucos detox deliciosos e conheça os benefícios a saúde destes sucos que estão cada vez mais na moda e fazem parte de diversas dietas.





De modo geral, não há quaisquer contraindicações para consumo de sucos detox. No entanto, pessoas com algum tipo de restrição alimentar devem ter cuidado com os ingredientes.

Por exemplo os diabéticos devem evitar as frutas mais doces, como a melancia, a laranja, o caqui e a banana. A alimentação rica em gorduras, refrigerantes e carne vermelha provoca no organismo um efeito potencializador de doenças crônicas degenerativas.

Estudos indicam que beber um copo de água morna com limão logo pela manhã, em jejum, e depois ingerir uma bebida desintoxicante ajuda a limpar o organismo, além de preparar o intestino para receber os alimentos que serão consumidos ao longo dia.


Principais Ingredientes:


A couve-manteiga é um bom ingrediente para se utilizar nos sucos detox. Tendo um sabor leve, esta verdura contém baixos valores energéticos e ajuda no funcionamento do intestino, além de poder ser combinada com diversas frutas, especialmente as cítricas (limão, laranja, maracujá, etc...).

Quando fizer os seus sucos detox deve também tentar preferir produtos orgânicos. E, para ajudar no preparo dos sucos detox, é possível fazer cubos de couve em formas de gelo, sem perda de propriedades das folhas.

Para fazer isso, basta rasgar um maço do alimento e bater com 100 ml de água no liquidificador; depois, é só deixar para congelar. Depois quando estiver a preparar os seus sucos detox, basta adicionar uma pedra desse gelo verde.

Outros alimentos que podem ser usados para fazer sucos detox são a maçã, que é antioxidante, a hortelã, que é digestiva, o pepino e a melancia, que são diuréticos. Você pode também testar receitas e misturas próprias para descobrir sabores diferentes e não enjoar dos sucos detox.

Como disse, para fazer sucos detox, é preciso combinar vegetais e frutas, com uma base de chá, água natural ou de coco. Para potencializar o resultado anti-inflamatório, adicione de sementes ou farelos. 

Veja algumas receitas para começar:

Diurético, desintoxicante e ajuda na digestão

200 ml água de coco
3 folhas de hortelã
meia maçã e meio pepino


Rico em fibras

200 ml de suco de melancia
2 folhas de hortelã
lascas de gengibre
1 colher de sobremesa de farelo ou semente de linhaça


Anti-Celulite


1 colher de sopa de salsa
1 folha de couve
200 ml de água de coco
2 folhas de hortelã
Suco de 1/2 limão
Bata tudo no liquidificador, coe e beba em seguida sem adoçar.



Colesterol - Suco para aumentar o bom colesterol

www.aliadosdasaude.com.br

As doenças do coração são as que mais matam no mundo, e uma das principais causas é o colesterol alto.

Para aumentar o colesterol bom, você já sabe, a solução ideal é unir uma  alimentação saudável, aliada a prática de alguma atividade física. 

Mais sabia que aumentar o nível de colesterol bom, favorece a redução do ruim?

O HDL ajuda a limpar o excesso de colesterol formado na parede dos vasos sanguíneos.


Para lhe ajudar a prevenir o colesterol alto, e ainda reforçar sua alimentação, uma sugestão de suco para aumentar o nível de colesterol bom, o HDL.

Muita gente considera o açaí um vilão, mas não é bem assim. Se você misturar a fruta com alimentos mais calóricos, como granola e xarope de guaraná, vai inevitavelmente elevar os níveis de açúcar no organismo.

Mais estudos indicam que a fruta pode ser benéfica para aumentar os níveis de HDL e, com isso, reduzir o LDL.

Além disso, o açaí ajuda a prevenir doenças do coração e reduz os riscos do diabetes. Isso porque ele contém antocianina, uma substância antioxidante, que age contra a formação de placas de gordura.

Além do açaí outras frutas contêm antocianina, como mirtilo, amora, framboesa, cereja e jabuticaba.

www.aliadosdasaude.com.br

Vamos ao suco:
Bata 50 g de polpa de açaí, 200 ml de leite desnatado e uma banana média e sirva logo após o preparo. A recomendação é evitar tomar todos os dias. Três vezes na semana está de bom tamanho.

Como opção, o suco abaixo além de tratar do colesterol, ainda ajuda a aumentar a imunidade.


Bata uma colher de sopa de açaí, duas fatias de melancia (sem sementes), suco de um limão, uma colher de chá de gengibre e uma colher de chá de linhaça triturada.
- O açaí é fonte de energia e aumenta a imunidade, pois tem ferro e zinco.
- A melancia, que é rica em vitaminas B1, B2 e A, é diurética.
- Rico em vitamina C, o limão também é diurético e limpa o sangue.
- O gengibre acelera o metabolismo
- E a linhaça é rica em fibras, portanto, sacia a fome e estimula a função intestinal.

Fonte: Universo Jatóba

Diabetes e inflamações - 5 Alimentos que previnem inflamações



Quem sofre de diabetes já sabe, qualquer cortezinho pode levar a uma inflamação.

A inflamação é uma resposta natural e necessária quando as bactérias entram no organismo, a fim de nos proteger do mal.


Este tipo de inflamação é conhecido como inflamação aguda e é gerada quando nos cortamos ou recebemos algum tipo de dano imediato.

Outro tipo de inflamação é o que chamamos de inflamação crônica, a qual surge quando a resposta inflamatória do organismo não esta bem regulada e assim, nós experimentamos sintomas tais como acne, alergias, dores articulares, aterosclerose e até mesmo doenças auto-imunes como a diabetes por exemplo.

Por causa desta relação entre o diabetes e a inflamação, nós recomendamos que as pessoas com diabetes mantenham uma dieta carregada de alimentos  com propriedades anti-inflamatórias.

Nesta matéria, nós agrupamos 5 alimentos saborosos e de fácil acesso para uma dieta anti-inflamatória, a qual pode ajudar a combater e controlar o diabetes.

Edamame
estes são os grãos de soja verdes. Eles são deliciosos e extremamente benéficos para sua saúde em geral. A soja tem fitonutrientes, e pesquisadores observaram que este alimento combate a inflamação. Estes grãos reduzem a proteína C-reativa. Altos níveis desta proteína têm sido associados à doença arterial coronariana. Quer saber mais? Bem, este alimento também é rico em proteínas, então, substitua a carne por edamame em algumas de suas refeições.

Salmão
É uma excelente fonte de ômega-3. Apresenta um preço mais elevado (maior que frango e carne vermelha), mas é, sem dúvida, um investimento que vale a pena para a sua saúde. As carnes podem produzir inflamação, mas o salmão, por outro lado, irá ajudá-lo a lutar contra isso. Para usufruir deste benefício, você não precisa comer salmão diariamente, basta adicioná-lo à sua dieta de 2 a 3 vezes por semana.


Gengibre 
Apresenta propriedades capazes de aliviar uma dor de estômago e reduzir náuseas, mas o mais interessante, talvez, seja a sua capacidade para acabar com um processo inflamatório. Este efeito já foi observado em dores pós-exercício, bem como na redução da inflamação de doenças crônicas, como a artrite reumatóide e osteoartrite. O componente exato que faz do gengibre um alimento anti-inflamatório maravilhoso ainda não foi identificado, no entanto, acredita-se que o gingerol seja o composto ativo da planta responsável por estes resultados.

Cerejas
Destacam-se por seu poder anti-inflamatório incrível. As cerejas são ricas em fitonutrientes conhecidos como antocianinas 1 e 2. Em termos simples significa que você recebe o dobro da potência inflamatória em apenas um alimento. E mais… elas são deliciosas e possuem baixo índice glicêmico (por isso não causam picos de açúcar)!

Chás
Podemos dizer que o chá não é um alimento, mas beber chá branco, preto ou verde durante ou entre as refeições pode lhe fornecer agentes anti-inflamatórios potentes.
Além disso, o chá possui antioxidantes que ajudam a combater os radicais livres. Algumas variedades de chá ajudam a reduzir o açúcar no sangue, o que é extremamente benéfico para as pessoas com diabetes.
Nós devemos consumir 8 copos de líquidos por dia e o chá pode ajudar a atingir este número.

A Natureza nos oferece alimentos que podem ajudar a combater os processos inflamatórios e o que apresentamos neste artigo são apenas alguns dos muitos existentes.

Como regra geral, não devemos limitar o consumo de um a dois superalimentos, pelo contrário, devemos incorporar uma variedade deles em nossa dieta.

Fonte: DiabeTv


Insônia Nunca Mais - Tratem com as 3 irmãs do sono

www.aliadosdasaude.com.br
Acabe com sua Insônia com essa ervas


Você é daquelas pessoas que sofre de Insônia, tem muita dificuldade para dormir?

Conheça as ervas que, combinadas, fazem você relaxar e dormir como uma criança!



Chás de ervas costumam ser opções adotadas por quem deseja evitar medicamentos muito fortes ou preferem soluções mais naturais para males simples como resfriados, gripes, indigestão e até mesmo insônia.

Mas quando o tradicional chá de camomila parece não fazer efeito é possível contar com uma combinação de ervas conhecidas como as 3 irmãs do sono que, além de ajudar a relaxar, podem combater distúrbios do sono.

Combinação de ervas que ajuda a pegar no sono

Lúpulo, valeriana e passiflora são as três irmãs que, juntas, combatem a ansiedade, relaxam e induzem ao sono.

A combinação normalmente pode ser consumida diariamente e raramente traz efeitos colaterais.

É importante ressaltar, no entanto, que, apesar de se tratarem de ervas naturais, elas precisam ser administradas com orientação médica. Quem deseja fazer uso da combinação deve consultar um profissional da saúde para ter certeza de que pode mesmo ingerir a mistura, além de conhecer a dosagem certa para levar a receita a uma farmácia fitoterápica.

LÚPULO
O lúpulo contém, entre suas propriedades, flavonoides usados ​​como antibióticos, antifúngicos e antioxidantes, além de analgésicos, e é usado para tratamentos contra ansiedade, agitação e distúrbios do sono.

VALERIANA
A valeriana, por sua vez, é conhecida por seus efeitos sedativos no sistema nervoso. A planta também reduz a ansiedade e a inquietação para, consequentemente, melhorar o descanso noturno.

PASSIFLORA
Provavelmente mais conhecida entre as três irmãs, a passiflora é usada como sedativo e ansiolítico natural e, segundo estudos, é eficiente para tratar transtorno de ansiedade generalizada e distúrbios do sono, garantindo, assim, maior facilidade para dormir de forma mais profunda.



Shake funcional - Fornece energia e ajuda na sua dieta


www.aliadosdasaude.com.br
Shake funcional -  Fornece energia, ajuda a emagrecer e a reduzir o colesterol

Experimentem este shake funcional, que além de fornecer energia, ainda ajuda na sua dieta!

Ajuda na dieta pois esta receita mistura os poderes já comprovados da semente de chia, da canela e do cacau em pó, com os benefícios do leite de aveia, confira os benefícios abaixo.

Ideal para os que sofrem de intolerância ao leite de origem animal (lactose).


Atenção: Mesmo sendo bastante substancial, o shake pode substituir o lanche da tarde, mas não deve substituir uma das refeições principais do dia (café da manhã, almoço e janta), a não ser sob orientação expressa de um Nutricionista..

 ➤ 200ml de leite de aveia ( veja aqui a receita do leite de aveia )
➤ 1 banana (colocada para congelar previamente)
➤ 4 morangos (também congelados)
➤ 1 colher (chá) canela em pó
➤ 1 colher (chá) cacau em pó
➤ 1 colher (sopa) biomassa da banana verde ( receita da biomassa de banana verde )
➤ 1 colher (chá) semente de chia

Benefícios deste shake funcional

Leite de aveia:
O leite de aveia é um opção saudável ao leite de vaca, não contém lactose, por isto indicado aos que sofrem de intolerância a esta proteína, e traz inúmeros benefícios a nossa saúde.

Banana:
Contendo três açúcares naturais - sacarose, frutose e glicose, combinados com fibra, a banana dá uma instantânea e substancial elevação da energia. Pesquisas provam que apenas duas bananas fornecem energia suficiente para um treino intenso de 90 minutos. Não é à toa que a banana é a fruta número um dos maiores atletas do mundo.

Morango:
Rica em fibras e vitaminas que podem auxiliar no tratamento de diversos males que vão de infecções urinárias ao envelhecimento da pele. O morango concentra boas quantidades de vitaminas e minerais. Além da vitamina C, a fruta vermelhinha possui silício, manganês, potássio, magnésio, vitaminas do complexo B e vitamina K. Esses nutrientes são essenciais para o funcionamento do organismo, pois controlam desde a produção de hormônios até o funcionamento do coração e do cérebro.

Canela:
Na medicina natural ela serve para o tratamento de uma ampla gama de doenças respiratórias, digestivas e reprodutivas. E nos oferece grande quantidade de cálcio, vitamina A, carboidratos, fibras, vitamina C, ferro, magnésio e fósforo.

Cacau:
Principal matéria prima do chocolate, o cacau é uma excelente fonte de energia, graças a boa dose de carboidratos que possui em sua composição. Contém ainda fósforo, vitamina A, fibras, proteínas, ferro, vitaminas do complexo B e cálcio. O nome científico para a semente de cacau é Theobroma cacao, que, literalmente, se traduz como “Alimento dos Deuses”.

Biomassa de banana verde:
A biomassa de banana verde ajuda a combater o câncer de intestino, a diabetes tipo 2, o colesterol e a perder peso. Ajuda a emagrecer e a reduzir o colesterol porque é rica em amido resistente, um tipo de carboidrato que não é digerido pelo intestino e que funciona como uma fibra que ajuda a controlar a glicemia (reduzindo o risco de diabetes), reduzir o colesterol e dar mais saciedade após a refeição.

Sementes de chia:
É um dos super alimentos que mais está na moda e é possível afirmar que é uma grande fonte de ômega 3, os ácidos graxos que reduzem o risco de doenças cardiovasculares e depressão.
Cada 100 gramas de sementes de chia contêm aproximadamente 17 gramas de ômega 3.


Topo