Ganho de peso - Dicas para quem quer engordar

aliados da saúde
Ganho de peso - Dicas para quem quer engordar

Não, você não está lendo errado... Este post é mesmo dedicado a quem quer engordar!!!

Quem é leitor de revistas e sites de saúde sabe muito bem, a imensa maioria dos leitores procura sempre dicas para emagrecer, ou no mínimo, para não engordar. Então acabamos esquecendo que existe também o outro lado (sim ele existe), aqueles que querem saber como ganhar peso (engordar mesmo).

E aí há também dificuldades. Há quem queira ganhar peso e não consiga. É incrível, mas existem muitas pessoas que fazem de tudo para engordar e não conseguem! 



Esta dificuldade pode relacionar-se com vários fatores, como o metabolismo, predisposição genética, etc. Mais a maior dificuldade em ganhar peso está muitas vezes associada a problemas de saúde. Assim, em primeiro lugar, deve-se descartar a hipótese de existir alguma patologia associada. Consulte o seu médico.

Para se ganhar peso (massa muscular), em primeiro lugar é necessário aumentar o teor calórico da dieta e aumentar a carga de exercício físicoDeve-se ter sempre em conta que o ganho de peso não deve ser feito recorrendo a uma alimentação desequilibrada, nem à custa de ganhos excessivos de massa gorda, nem com o uso de esteroides anabolizantes.



Assista este vídeo com a  nutricionista Larissa Vasques, no programa Sabor de Vida, em que ela explica sobre dieta para ganhar peso, para se informar melhor, e depois vamos a ação.




Se tenta ganhar peso sem sucesso, depois de ver este vídeo, experimente por em prática o seguinte:

Adicione azeite na sua comida
Abusar do uso do azeite no preparo das refeições, nas saladas e sopas. Embora a gordura atrase o esvaziamento gástrico e prolongue a saciedade, não se deve diminuir o seu consumo. O azeite é rico em ômega 3, importante para a saúde cardiovascular e para equilibrar o organismo em geral. Numa fase inicial, permite ainda aumentar a ingestão calórica sem aumentar o volume de refeição, é energia concentrada.

Enriqueça os pratos
Adicione leguminosas (grãos e feijão), frutos secos (nozes, castanhas, amêndoas, pinhões) e sementes (chia, linhaça, cânhamo, girassol) às sopas, saladas, pratos, molhos.

Faça da sopa sua aliada
Nas sopas, além de enriquecê-las, pode ainda aumentar o teor de carboidratos colocando batatas, farinha, massa. No final pode adicionar pão torrado em cubos (croutons).

Consuma mais carboidratos
Aumente o consumo, em todas as refeições, de alimentos ricos em carboidratos (pães, cereais, arroz, macarrão, batata). Estes devem fazer parte de TODAS as suas refeições.

5. Não se esqueça das proteínas
Estas são essenciais para a construção do músculo portanto deve garantir um bom aporte das mesmas. Consuma proteína em todas as refeições (leite, iogurte, miúdos de aves, carne, peixe, ovos, gelatina).


Não "pule refeições"
Faça refeições a cada 2-3 horas.

Coma mais barras de cereais
Nas refeições intermédias (lanches e ceia) adicione uma barra de cereais, além do que já ingere.

Recorra aos sucos e vitaminas
Aos quais pode adicionar vários alimentos, como os lacticínios, frutas, vegetais, cereais, sementes, mel, cacau, entre outros. Inclua-os várias vezes ao longo do dia, desde o café da manhã aos lanches, ceia, e até como bebida de reposição no final do exercício físico.

Procure comer maiores quantidades
Aumente gradualmente a quantidade dos alimentos nas refeições, para aumentar a capacidade de armazenamento do estômago.

Atenção!  Engordar não significa se matar
Evite alimentos, como os refrigerantes, bolos, croissants, maionese, refeições prontas, pizza, salgadinhos, etc. Estes alimentos embora sejam altamente calóricos são ricos em açúcares simples e gordura saturada que prejudicam gravemente a sua saúde.

Pratique exercício
O ganho de peso deve ser conseguido à custa do ganho de massa muscular, pelo que é importante adequar a prática de atividade física ao trabalho dos vários grupos musculares. Deve preferir exercícios como musculação. A musculação ajudará muito no ganho de músculos (massa magra). Mas para ter uma resposta positiva precisa de uma alimentação adequada em nutrientes, proteínas e carboidratos. Lembre-se aconselhe-se com um profissional.

Suplementação Nutricional
Os suplementos são necessários, mas devem ser prescritos por um profissional. Aconselhe-se com o seu dietista/nutricionista.
Os suplementos mais utilizados são à base de carboidratos e proteínas com baixo teor de gordura, os chamados gainers. Consumir estes suplementos é uma forma fácil de atingir os requisitos calóricos necessários para ganho de peso. A associação de proteínas e carboidratos potencia a reposição do glicogênio muscular e aumenta a resposta insulínica, favorecendo desta forma a síntese de massa muscular.
Recentemente tem-se usado a geleia real para estes fins, com bons resultados. A geleia real pode ajudar no ganho de peso de duas formas: é energia concentrada, sem gordura nem fibra (não provoca saciedade); e pelo seu efeito de aumento do apetite.
O consumo de um complexo multivitamínico também pode ser vantajoso. O simples fato de melhorar déficits vitamínicos e de minerais pode regular processos fisiológicos tais como o processo de absorção e a utilização dos carboidratos e proteínas.

Mais é  bom lembrar, SEMPRE procure a ajuda e o acompanhamento de um especialista para qualquer tipo de regime ou dieta!

Fontes: Portal Nutrição / Canal TV Aparecida / E experiência própria.




Relacionadas Para Você
Anterior
« Anterior
Proxima
Proxima »