Trio assassino do coração - Açúcar, sal e cocaína

A morte cardíaca no Brasil começa em um pó branco. Sal, açúcar e cocaína são três grandes inimigos do coração, responsáveis por mais de 80% das 300 mil mortes anuais por doenças cardiovasculares no País.

Médicos procuram solução para o pó branco por trás da morte cardíaca; Anvisa quer mensagem de alerta na embalagem de produtos

O trio ganhou uma mesa especial de discussão no Congresso Brasileiro de Cardiologia, que vai até o dia 29, em Belo Horizonte, e já está no alvo de uma ofensiva de combate criada pelas sociedades médicas e Ministério da Saúde.

Aprenda a cuidar melhor da sua saúde - curso online de nutrição - conheça aqui e comece já!  Contra a recessão, invista na sua educação.

Sal em excesso na alimentação é fator de risco para doenças cardiovasculares

Em discussão no governo federal, afirmou o presidente da comissão de hipertensão da Sociedade Brasileira de Cardiologia, Carlos Alberto Machado, existem dois projetos paralelos para atacar produtos muito açucarados ou salgados em excesso. A proposta é colocar mensagens de alerta nas embalagens destes alimentos (salgadinhos, bolachas recheadas, refrigerantes, chocolates, congelados e até barras de cereal), semelhantes as que já são usadas nos maços de cigarro.

O estilo "Ministério da Saúde adverte: este produto contém sódio ou açúcar em excesso e pode fazer mal à saúde" já foi acordado e aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), garantiu Carlos Alberto Machado.



"O presidente da Anvisa participou de nossas reuniões, formadas também por representantes da indústria alimentícia, ministérios da saúde e agricultura, Embrapa, e acatou nossas sugestões”, afirmou o presidente da comissão de hipertensão, que já foi assessor da área do Ministério da Saúde. “O texto da resolução que afirma isso está pronto, já foi apresentado e tem ainda mais três meses para ser discutido. Temos a convicção de que vai sair do papel”, completou ele.

Fonte: Anvisa

Topo