Salsa - Benefícios para sua saúde

aliados da saúde
Salsa -  Benefícios  para sua saúde

A salsa, uma erva originária do Mediterrâneo, é geralmente utilizada como um tempero culinário e também para dar uma pitada de cor ao seu prato. 

Mas não vamos pensar na salsa apenas como um alimento, afinal, este ingrediente de quase 2000 anos possui muitos benefícios que contribuem com a sua saúde.

A salsa tem ação eficaz em distúrbios do aparelho digestivo, gazes e aerofagia (deglutição exagerada de ar ao comer apressadamente). É diurética, alcalinizante, anti-hemorrágica e estimulante.



Além disso a salsa favorece o bom funcionamento do rins e regulariza o fluxo menstrual.

Outras propriedades medicinais da salsa:
1. A salsa é rica em muitas vitaminas vitais, incluindo a vitamina C, B 12, K e A. Esta erva mantém o seu sistema imunológico resistente, fortifica os seus ossos e contribui para a saúde do sistema nervoso.
2. O uso regular de salsa pode ajudar a controlar a pressão arterial. O ácido fólico presente nesta erva é como um tônico para o coração.
3. Consuma salsa regularmente, e você vai sentir um alívio da dor articular. Isso porque, a erva tem propriedades anti-inflamatórias.
4. Chá de salsa relaxa os músculos e estimula a digestão de proteínas e gorduras.
5. Salsa é uma usina de clorofila, isso ajuda a frear o crescimento de bactérias ruins, pois tem propriedades antibacterianas. A clorofila encontrada na salsa é um bom remédio para evitar o mau hálito (halitose).


6. Estudos indicam que a salsa, especialmente o seu óleo essencial, pode ter um papel na inibição de tumores cancerígenos. Na verdade, os cientistas têm indicado a salsa como um alimento ‘quimio-preventivo’.
7. A salsa é rica em vitamina C e ferro. Estes nutrientes fazem desta erva um alimento útil na cura da anemia, bem como fadiga.
E ai, que tal experimentar a salsa em seus pratos, agora não só como alimento?

Como Consumir
Do ponto de vista gastronômico, é melhor acrescentar a salsinha no fim do cozimento dos pratos, para conservar melhor o seu sabor, aroma e evitar que as vitaminas se percam.O consumo da salsa é seguro para a maioria dos adultos.

Mais atenção: o óleo essencial de salsinha não deve ser usado por mulheres grávidas, pois contém apiol, uma substância que estimula a menstruação.



Topo