Diabetes - má alimentação, sedentarismo e obesidade podem provocar



Diabetes - má alimentação, sedentarismo e obesidade podem provocar

Em 2013, um levantamento realizado pelo Ministério da Saúde ouviu 53 mil pessoas, entre homens e mulheres. Desse total, cerca de sete por cento dessas pessoas disseram que foram diagnosticadas com diabetes, doença crônica causada pela falha na ação ou na produção alta de glicose no sangue.


De acordo com a coordenadora-geral de atenção às pessoas com doenças crônicas, Patrícia Chueiri, a alimentação inadequada, sedentarismo e obesidade são fatores de risco para desenvolver o diabetes. 
"Uma pessoa que tem uma má alimentação, ou é uma pessoa sedentária ou tem obesidade, tem uma série de recomendações. Que vão desde a prática da atividade física, pelo menos 30 minutos, 5 vezes na semana, controle da alimentação, alimentar várias vezes por dia, não fazer grandes períodos de jejum, balancear a alimentação dentro de carboidratos, proteínas, gordura, ampliar a ingesta de verduras e legumes, são algumas delas".
O estudante de medicina, Ronaldo Pineda, sabe bem disso. Ele conta que controla o diabetes com hábitos saudáveis. "Eu tive que ter alimentação saudável. Ao invés de você precisar restringir alimentos, você sabe o momento e a quantidade de consumir cada um. Eu tinha muita sede, muita fome e comecei a perder peso. Depois de algumas semanas eu acabei entrando em coma diabético, fui trazido para a Santa Casa de São Paulo e ali mesmo me diagnosticaram com diabetes. Hoje eu uso análogo de insulina que é disponibilizado pela Secretária de Saúde e faço também a contagem de carboidratos.
A coordenadora-geral de atenção às pessoas com doenças crônicas, Patrícia Chueiri, cita algumas complicações que podem aparecer em decorrência do diabetes. 
"Os principais riscos do diabetes são as doenças cardiovasculares. Ela é um fator de risco para ter infarto, para ter o acidente vascular cerebral, mais conhecido como derrame. Além disso, você pode ter alteração na retina que podem prejudicar a visão e alterações renais, se você não controlar a pressão e o diabetes da pessoa diabética, você pode ter a insuficiência renal ao longo do tempo". 
Fonte: Karina Chagas/ Agência Saúde


Relacionadas Para Você
Anterior
« Anterior
Proxima
Proxima »